O que fazer e o que não fazer ao conviver com o zumbido

O que fazer e o que não fazer ao conviver com o zumbido

Mais de 28 milhões de brasileiros sofrem com o zumbido nos ouvidos. A princípio, pode ser difícil saber o que fazer para lidar com essa condição. Pensando nisso, listamos abaixo do que devemos e não devemos fazer para pessoas que lidam com zumbido.

Fazer

  1. Conversar com um profissional de saúde auditiva se o zumbido estiver afetando a capacidade de dormir, ler, se concentrar ou participar de atividades normais.
  2. Cada pessoa reage ao zumbido de maneira diferente. Não existe jeito certo ou errado.
  3. Evite ansiedade e/ou estresse, pois pode agravar o zumbido.
  4. Procure aplicativos e equipamentos que podem ajudar na hora de dormir para tornar mais fácil pegar no sono.
  5. Saiba que o zumbido pode ser controlado mesmo que não tenha cura.

Não fazer

  1. Não acredite no em tudo que se lê sobre o zumbido ser curado por ervas ou suplementos. O tratamento por meio de terapia de som e até mesmo aparelhos auditivos são duas das formas mais recomendadas de tratar o zumbido.
  2. Não se esqueça de que o zumbido pode ser um sintoma de outra coisa, por isso é importante que seja verificado por um profissional.
  3. Não se esqueça que coisas simples que podem agravar o zumbido: excesso de cafeína, falta de sono, estresse e até mesmo medicamentos como aspirina.
  4. Você não está sozinho! Uma em cada seis pessoas sofre de zumbido.
  5. Não se esqueça da proteção auditiva em ambientes com sons altos, pois podem desencadear o zumbido e torná-lo pior.

Para obter mais dicas e ter mais informações, a recomendação é entrar em contato com seu profissional de saúde auditiva.

Fonte: https://www.microsom.com.br/o-que-fazer-e-o-que-nao-fazer-ao-conviver-com-o-zumbido/

Compartilhe!
Deixe seu comentário



Sua Mensagem

Veja mais...
Zumbido (Tinnitus): entenda o que é como tratá-lo
Escuto e não entendo!
Dicas no uso de seus aparelhos auditivos
Atendimento
Topo